quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Perguntas infernais

Perguntas, perguntas e mais perguntas!!
É como neste momento se encontra a minha cabeça
Porque nada percebo e também já nada faço para perceber.
Não percebo se é eu que estou contra o mundo se é o mudo que está contra mim.
Não percebo se sou sempre eu que não tenho razão, ou se é que ninguém me ouve.
Não percebo se sou assim tão má pessoa, se é as pessoas que não me conhecem bem.
Não percebo se sou algum bicho papão, para ser a má da fita de todos os filmes.
Não percebo se tenho alguma placa que diz "Não falar, ela morde."
Não percebo se sou eu que faço isto se é o destino.



Por vezes apetece-me gritar ao mundo e dizer: DEIXEM-ME
Deixem-me
Deixem de me chatear
Deixem de me controlar
Deixem de criticar tudo o que faço
Deixem-me ser livre
Deixem-me fazer aquilo que quero
Deixem-me falar alto
Deixem-me estar em silêncio
Deixem-me rir
Deixem-me chorar
Deixem-me dar gargalhadas
Deixem-me beber
Deixem-me tomar café
Deixem-me dar opiniões
Deixem-me ouvir reclamações
Deixem-me ouvir música
Deixem-me ouvir o mar
Deixem-me ouvir os animais
Deixem-me cantar
Deixem-me tocar
Deixem-me gritar
Deixem-me ir a missa
Deixem-me fazer asneirasDeixem-me pecar
Deixem-me rezar
Deixem-me abraçar
Deixem-me estar sozinha
Deixem-me estar com todo o mundo
Deixem-me estar sentada
Deixem-me ir passear
Deixem-me ser EU!



3 comentários:

  1. Alguém que se importa contigo todos os dias!6 de fevereiro de 2013 às 18:57

    Talvez estejas a precisar de parar...
    Tirar um tempo a sós para ti.
    Para estares tu e Ele a sós..
    Não sei...
    Quem sabe...

    ResponderEliminar
  2. A dois é mais fácil.. Ou melhor a três.. Tu, eu e Ele @ CDFG

    ResponderEliminar